www.flickr.com

Jeso Carneiro

Santarém (Tapajós, Amazônia) e cercanias - fatos, fotos e opiniões.



terça-feira, janeiro 22, 2008

Engodo do puro

Do professor-doutor Samuel Lima, sobre o post Frase do dia:

Jeso,

Lamentavelmente o anúncio de que os cursos de direito (no País) deverão "cortar" 6.300 por 26 cursos de instituições particulares é puro engodo.

Uma das grandes obras do governo FHC foi desregulamentar o ensino superior, transformando-o num grande "balcão de negócios". Imerso numa profunda crise hoje, o setor cresceu e a oferta de cursos é maior que capacidade de pagamento de possíveis interessados. Na cidade onde vivo e trabalho, só para você ter uma idéia, temos 4 (quatro) curso de direito funcionando - é o verdadeiro abraço de afogados, situação sem o menor nexo, nem futuro.

O Estado brasileiro, por obra e graça dos governos FHC e Lula (por omissão), não tem instrumento para fechar coisa alguma em termos de ensino superior. Os cursos só fecharão por absoluta falta de alunos ou de interesse de seus investidores. Esta é a realidade, nua e crua. O sistema de autorização de abertura de cursos superiores, há muito, é eivado de vícios e indícios de fraude, nunca apuradas com seriedade.

A OAB, mais uma vez, presta um serviço à sociedade, ao denunciar os simulacros de curso de direito. Quisera todas as Ordens e Conselhos Federais agissem com a mesma seriedade e rigor!

1 Comentarios:

Anonymous Anônimo Disse...

Poisé Dr. Samuel. Por aqui também temos dessas coisas. Recém formados dando aula, meninas da quinta série passam no vestibular e a ilusão pela falta de opção (ou preguiça) de sair da cidade para estudar em cursos que possam trazer algum tipo de benefício para quem o faz.
Enquanto houver procura, todo tipo de droga, por mais que se reprima, será consumida.

22 janeiro, 2008 09:34  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home