www.flickr.com

Jeso Carneiro

Santarém (Tapajós, Amazônia) e cercanias - fatos, fotos e opiniões.



quarta-feira, setembro 05, 2007

Pecuária é que desmata e não a soja

É a pecuária, e não a soja, a maior responsável pelo desmatamento na Amazônia. É isso o que diz um estudo divulgado pelo Conselho Regional de Economia do Distrito Federal (Corecon-DF) e que vai ser utilizado como base pelo Ministério da Integração Nacional para definir o planejamento territorial na região.

"A gente fica batendo na tecla errada, esquece o efetivo responsável e acaba adotando políticas públicas erradas", afirma Julio Miragaya, autor do estudo e coordenador-geral de Planejamento e Gestão Territorial (CGPT), ligado ao Ministério da Integração Nacional.

O fantasma da Amazônia não é a soja, é a pecuária.

O economista, que escreve sua tese de doutorado sobre o papel da pecuária na ocupação da Amazônia, revela que um projeto de lei será encaminhado até outubro para o Congresso Nacional. A intenção é criar áreas de zoneamento determinando onde será permitido a criação de gado.

[Clique aqui], para ler mais.

Fonte: O Globo

3 Comentarios:

Anonymous Anônimo Disse...

Isso foi uma piada????

05 setembro, 2007 09:03  
Anonymous Anônimo Disse...

Conta outra dotô!!!!. Pecuaria e monocultura, sao responsaveis não somentee pelo desmatamento na Amazonia, mas no Cerrado, Mata Atlantica e porra ai vai...

05 setembro, 2007 09:24  
Anonymous Anônimo Disse...

O senhor Miragaya, bom burocrata em Brasília, apela para o óbvio na intenção de absolver a soja como responsável pelo desmatamento na Amazônia. Ele compara décadas de avanço da pecuária na região com muito menor tempo de plantio de soja. Ambas atividades são prejudiciais e perigosas na Amazônia. A tecla errada que ele afirma que está sendo batida é a justificativa para criminalizar uma atividade que já alcançou seu ápice e apoiar uma atividade que ainda promete muitos danos.
E por que o Ministério da Integração tem necessidade de utilizar um estudo feito por uma instituição corporativa? Desde quando economista entende de ecologia? Há que se temer e combater o projeto do burocrata.

05 setembro, 2007 18:12  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home